Vantagens de morar em São Leopoldo

A cidade é uma das queridinhas de muitos gaúchos e também de turistas de fora do estado. Traz opções para todos os gostos, além de oferecer amplas possibilidades de trabalho, educação, entretenimento e cultura. Vamos conferir alguns motivos que são pura vantagem para quem escolhe viver nesta belíssima terra.

Fundada em 25 de julho de 1824, nossa São Leopoldo é o berço da colonização alemã. Localizada a 35 km da capital gaúcha, a cidade da região metropolitana é um dos municípios que mais se destacam na contribuição do produto interno bruto do Rio Grande do Sul.

São Leopoldo conta com parques industriais que fomentam a própria economia local, e também, de acordo com a Fundação de Economia e Estatística (FEE), a cidade está entre as 50 melhores para se viver em todo o país.

Considerada uma cidade universitária, por contar com a presença da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), apresenta uma grande variedade de entretenimento e cultura em seu espaço.

Morar no centro da cidade é uma opção para todo mundo que quer as facilidades na porta de casa. Esse tipo de área conta com diversos serviços disponíveis, muitos deles 24 horas por dia. São diversas casas noturnas, bares, pubs e espaços gastronômicos que atraem, além dos leopoldenses, pessoas de outras cidades.

Entre as opções para a noite, podemos citar o Boteco Bonifácio, o Pub Haka, República das Cervejas, o Sports Bar Strike Berlin, entre outros. A culinária também traz sabores para todos os gostos, com lancherias, confeitarias, restaurantes e churrascarias clássicas como a Schneider e Passoquinha.

A cidade faz parte da Rota Romântica, sendo o primeiro ponto a fazer parte do caminho para Serra Gaúcha. Além disso, dispõe de diversas praças onde se pode curtir momentos de lazer com a família ou amigos. No bairro São José, por exemplo está a Praça Elis Regina, ponto de encontro para um chimarrão todo final de semana. Já no Morro do Espelho, as pessoas se reúnem na Praça Amadeo Rossi, onde acontecem também feirinhas itinerantes.

Seu Parque Industrial é caracterizado pela diversidade, contendo quatro zonas. A maior força está no setor metal-mecânico, com empresas de todos os portes, produzindo artigos diversos como motosserras, ferramentas, autopeças, armas, equipamentos agrícolas, entre muitas outros. Destaca-se também no município o setor da borracha, essencialmente voltado para a produção de peças técnicas para máquinas, equipamentos agrícolas e para a indústria automobilística.

A cidade traz uma ótima infraestrutura de mobilidade urbana, além de uma rede hoteleira preparada para receber turistas ou pessoas à negócios. Conta com uma linha de trem de Porto Alegre a Novo Hamburgo com fácil acesso as cidades que estão nos arredores.

As escolas de ensino vão da pré-escola até escolas técnicas e superiores. Como referência, pode-se citar os colégios Instituto Rio Branco, Sinodal e São José, escolas de nível técnico como Cetemp, Frederico Schmidt e Senai.

A tecnologia e inovação também faz parte do dia a dia da cidade. O Tecnosinos é um parque que reúne empresas de alta tecnologia, que vem dinamizando a economia local na geração de emprego-renda, pesquisa e inovação tecnológica.