Morar sozinho para estudar: Saiba como se planejar

Realizar as compras do mês, aprender a cozinhar e arrumar a casa são algumas das “novas” tarefas de quem está indo morar sozinho para estudar. E nessa nova fase, é o momento de viver novas experiências. Para curtir numa boa as mudanças, separamos algumas dicas que podem ajudar a não passar perrengue na hora de trocar de cidade para viver perto da universidade. Confira!



Conheça a cidade

Para iniciar essa mudança com o pé direito, é preciso iniciar um planejamento antes mesmo de mudar definitivamente. Neste quesito, conhecer bem a nova cidade é essencial.

Dedique um tempo para pesquisar. Na internet é possível encontrar ótimas informações sobre as cidades e os bairros. Descubra quais são os meios de transporte disponíveis, questões de segurança, custo de vida, restaurantes e não esqueça dos espaços de lazer.


Mas somente as pesquisas virtuais não são suficientes. Se possível, visite a cidade e conheça de perto antes de tomar a decisão definitiva. Se não houver a possibilidade de uma visita, converse com pessoas que moram lá, parentes, conhecidos ou até mesmo veteranos da universidade. Hoje em dia existem grupos em redes sociais que permitem essa troca de conhecimento entre calouros e veteranos.


Encontre a moradia ideal

Já visitou a cidade e decidiu que vai mesmo se mudar? Então está na hora de procurar o seu novo lar. E antes de mais nada, considere qual a região mais próxima da universidade e qual a sua disponibilidade financeira.

Quanto mais próximo da universidade melhor. Pois você economiza tempo e dinheiro com o transporte até o campus. E em relação ao valor do aluguel, a dica é não comprometer mais de um terço de sua renda mensal com ele. Aqui vale também dividir o aluguel com algum outro colega. Assim não fica pesado para nenhum dos lados.


Pense nas fontes de renda

Como irá se manter na cidade? Com a ajuda dos pais? Ou pretende conseguir algum emprego?

Se tiver o apoio da família tudo fica mais tranquilo, pois terá mais tempo para se dedicar completamente aos estudos. Mas se você prefere se virar sozinho, planeje seus horários e procure trabalhos ou estágios que se encaixem nas suas horas vagas.



Se você optar por conseguir um emprego formal, o ideal é pesquisar as oportunidades com antecedência para não correr o risco de ficar sem dinheiro para se manter na cidade. Faça um bom planejamento e tenha tudo pronto antes de se mudar, assim você inicia essa nova etapa com tudo esquematizado.


Pense nos itens de casa

Saiba que morando sozinho você precisará começar do zero, ou seja deverá comprar todos os itens domésticos básicos para a organização do lar. Desde os eletrodomésticos, móveis, pratos, roupa de cama e outros utensílios que são essenciais para o dia a dia.

Nessa hora, peça ajuda para quem já entende do assunto. Converse com seus pais ou aqueles amigos que já moram sozinhos. Solicite que lhe ajudem com uma lista de tudo que você irá precisar antes de se mudar.


Aprenda a administrar suas finanças

Outro ponto bastante interessante é saber como administrar o seu dinheiro. Fazê-lo durar até o fim do mês é um grande desafio, principalmente para quem nunca teve a experiência de morar sozinho.

Mesmo para quem recebe o auxílio dos pais, é necessário adequar os gastos e saber gerenciar os recursos para não deixar faltar no final do mês. Utilizar uma planilha é bastante útil e eficiente para organizar e programas suas despesas mensais.


Mantenha sua rotina em ordem

É importante lembrar que as responsabilidades são maiores nesse momento, por isso é indispensável ter uma rotina organizada. Faça um planejamento para conseguir organizar suas tarefas diárias. Defina dias para limpeza e para compras. Mas sem esquecer que o seu foco principal ainda são os estudos.


Aprenda a socializar

Para muitos, o maior desafio de se mudar e ir morar longe de casa é ter que deixar as amizades antigas. Em um primeiro momento pode ser que se sinta um pouco sozinho e deslocado. Mas por mais que seja difícil, é preciso desapegar um pouco da morada antiga e tentar começar a fazer novas amizades nessa também.


Aprender a socializar é fundamental. Aproveite os momentos livres e saia, converse com os colegas da turma, vizinhos ou pessoas do campus. Lembre-se que vai passar um bom tempo por ali, e completamente sozinha as coisas podem ficar mais difíceis. Por isso quanto mais você socializar e fizer amigos, mais rápido irá passar essa fase de adaptação à nova cidade.