A família está crescendo? Pode ser a melhor para comprar um imóvel


O aumento da sua família pode ser um fator decisivo na compra de um imóvel. Se você está pensando em ter filhos ou até mesmo adotar um pet, mas ainda mora em um imóvel pequeno, saiba que essa pode ser a hora certa para adquirir uma casa nova e ainda maior. Conforme o tempo passa, as necessidades da sua família aumentam e para que todos vivam com conforto é preciso tomar essa decisão.


Então, seja a chegada de um bebê ou até mesmo de um familiar que mora distante e precisa se hospedar na sua casa, isso pode ocasionar uma mudança para um imóvel maior. Mas é preciso estar atento a alguns pontos antes mesmo que essa mudança aconteça.  


Finanças


Ter um bom planejamento é indispensável para quem quer adquirir um novo imóvel. Essa é a primeira coisa que você deve fazer antes de começar a procurar um novo espaço para morar com sua família. Faça uma breve avaliação de seus gastos, para saber quanto pode gastar com um imóvel e ver se há necessidade de um financiamento.



Lembre-se que uma família maior exige um imóvel maior também, que consequentemente será um pouco mais caro. Por isso, analise bem a sua condição financeira antes de fechar qualquer negócio.


Escolhendo o imóvel


Depois de definir o seu planejamento chega a hora de escolher o imóvel. Sem esquecer, é claro, que o novo imóvel deve possuir cômodos e áreas de convivência maiores, já que a família está aumentando. Caso você já tenha intenção de ter mais filhos futuramente, considere essa possibilidade na hora de escolher, pois o imóvel comportará suas necessidades por mais tempo e agregará mais valor.



Faça uma pesquisa na internet a fim de conhecer mais o mercado imobiliário e buscar opções para no final realizar uma visita aos imóveis escolhidos. Mas não deixe de ir até uma imobiliária, pois o corretor pode lhe apresentar mais opções imóveis conforme a sua necessidade e ajudar na escolha.


O imóvel atual


Após passar pelo processo de planejamento e escolha do imóvel, chega a hora de decidir o que fazer com o seu imóvel atual. Você tem a opção de vendê-lo, colocá-lo na negociação como parte do pagamento ou até mesmo mantê-lo disponível para locação. Caso opte por colocar à disposição para locação, terá o auxílio de uma renda extra no final do mês para ajudar a pagar as prestações do imóvel novo.